Três Passos para Influenciar a Cultura

Você não pode simplesmente criar a cultura que você quer na sua organização. Cultura não é uma meta, mas o resultado de um conjunto de comportamentos coletivos. Em vez de exigir comportamentos, exerça influencia e molde a cultura da empresa com estes três passos:

Transmita a visão. Defina suas aspirações. Responda: Quais são os comportamentos fundamentais que caracterizam a cultura que você quer criar?

Demonstre como novos comportamentos podem ajudar o negócio. Nada reforça comportamentos mais do que o sucesso. Trabalhe junto com sua equipe para mostrar o seu exemplo de comportamento ideal aplicado a um projeto específico que precisa melhorar.

Integre estes comportamentos aos processos de RH. Pessoas tendem a fazer o que é medido e recompensado. Use os comportamentos desejados como critérios para contratação e promoção.

por Ron Ashkenas.

A cultura é criada através das mensagens que as pessoas recebem sobre o que é valorizado

1 Pergunta que Todo Líder Deveria Fazer

O melhor líder é aquele que sabe fazer as perguntas certas.

Se você deseja gerenciar e liderar com sucesso, você tem que saber o que as pessoas precisam para executar o trabalho. Então por que não perguntar? Adquira o hábito de fazer perguntas chave aos seus subordinados diretos como:

O que posso fazer para ajudá-lo a ser mais eficaz? É provável que você receba diferentes respostas, incluindo reclamações sobre os outros, crítica direta ao seu desempenho e solicitações as quais você não poderá atender. Ouça tudo com muita atenção, jamais fique na defensiva e admita os erros. Depois de prestar atenção entre em ação. Talvez você precise dar um passo atrás ou aprender a delegar melhor. Talvez haja algum colega que não esteja cooperando ou uma política desnecessária na empresa. Use estas conversas como um verdadeiro líder, uma oportunidade para você aprender.

by Linda Hill

Elogie Tanto Quanto Critica

Nenhum resultado isolado deve ser usado para definir a vida ou a carreira de alguém

O desempenho humano é inconsistente, mesmo atletas de nível internacional tem dias ruins. No entanto, a maioria dos gerentes focam nas deficiências de seus funcionários quando estão treinando ou dando feedback. Claro que todos nós temos “oportunidades de melhoria”, mas pesquisas mostram que ao identificar e promover as forças produz melhores resultados do que focar nos defeitos. Na próxima vez que você estiver avaliando alguém, lembre-se que seu objetivo é elevar o desempenho médio desta pessoa e não critica-la por um dia particularmente bom ou ruim. Não deixe de elogiar mesmo se encontrar alguns erros. É tão importante reconhecer e reforçar os pontos fortes quanto apontar onde as pessoas podem e devem melhorar.           by L. Hill

Liderança em Seis Palavras ou Menos

A grande questão

Clare Booth Luce disse certa vez ao Presidente Kennedy “Um grande homem pode ser resumido em uma frase”. Você pode achar que é impossível resumir suas realizações em um punhado de palavras, mas é um bom exercício de auto-reflexão. Pergunte a si mesmo, pelo que você quer ser lembrado. Pergunte-se, se você deixou sua organização ou o mundo melhor do que você encontrou. Pergunte-se como você influenciou outras pessoas. Este exercício pode guiar suas decisões sobre o que você quer alcançar e ajudar você a entender mais claramente o que o trabalho significa para você.

Depois desse exercício, você vai poder responder outra questão: “Qual será meu legado?”

by J.Baldoni

*Para saber mais sobre Clare Booth Luce clique aqui